Por que é tão difícil suportar meses, e às vezes anos de diferentes regimes?

balanca

Quando somos bem sucedidos e de fato conseguimos emagrecer, por que depois de algum tempo nosso peso volta novamente, como se tivesse sentido nossa falta? Brincadeiras à parte, o emagrecimento bem sucedido, ou seja, àquele em que o peso ideal é obtido e mantido, depende de vários fatores.

Um desses fatores é a ressignificação do valor da comida. Por quais motivos nos excedemos? Será que quando estou triste ou ansioso como mais? Busca-se entender qual é a função do comportamento de comer mais do que o necessário.

Temos que pensar também nas armadilhas que pregamos em nós mesmos. Fazemos as compras de casa de maneira correta? Quando não conseguimos evitar comprar doces e chocolates, os deixamos à nossa vista para comermos a qualquer hora?
Além de mudarmos nosso comportamento, temos que tomar cuidado com a nossa maneira de pensar, já que provavelmente ele não tem dado muito resultado quando se trata de emagrecer. Tenho certeza que em algum momento você no meio de um regime já pensou algo do tipo: -Hoje vou a uma festa à noite, e já que irei sair do regime mesmo vou chutar o balde e comer tudo o que eu quiser.
Será que não haveria outro modo de pensarmos a mesma situação? Algo como: -Hoje vou a uma festa à noite, vou sair do regime mas não muito, vou comer só um pedaço de bolo. Isso não vai atrapalhar meu regime.
Ou que tal:- Hoje vou a uma festa à noite, quero comer bolo então vou pegar leve agora no almoço, ou fazer mais exercícios na academia para compensar.
Veja como o primeiro pensamento, negativista, não nos dá força e motivação para continuarmos no regime e os dois outros pensamentos oferecem alternativas para que não deixemos , mesmo em regime, de aproveitarmos os prazeres da vida.
Lembre-se que antes de ser esteticamente desejável, emagrecer envolve diversos benefícios a sua saúde emocional e física, desde melhora da auto estima, funcionamento cardiovascular, até prevenção e melhora da dor crônica.

Visite nosso site: http://www.conscientia.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *